A bomba de combustível é o principal sistema de alimentação de um automóvel. É através dela que o combustível é deslocado, suprindo as condições de trabalho, carga, rotação e temperatura do motor.

Como funciona a bomba de combustível?

Antes de saber como funciona a bomba de combustível, é preciso salientar que existem dois tipos: a mecânica e a elétrica. A segunda é mais comum de ser encontrada em carros com injeção eletrônica e ela pode ser dividida em interna e externa ao tanque. A interna aspira o combustível diretamente do fundo do tanque, distribuindo para as mangueiras de abastecimento que ligam os bicos injetores. Já a externa, trabalha fixada ao chassi, sugando o combustível do tubo coletor dentro do tanque.

A bomba de combustível mecânica consiste em uma câmara dividida por um diafragma, que aspira o combustível do tanque pela válvula de entrada, desperdiçando mais combustível nas paredes do coletor de admissão.

Esse modelo de bomba é utilizado principalmente em carros que ainda possuem o carburador, componente responsável por misturar o ar ao combustível, dosando a combustão interna dos motores.

Quando a bomba de combustível precisa ser substituída?

Geralmente você consegue perceber que a bomba de combustível precisa ser trocada quando existem falhas no motor, devido à pressão vazão insuficiente e desgaste.

A recomendação é que a manutenção ou substituição dos filtros da bomba sejam feitos a cada 15.000 km. Mas esse prazo pode depender de onde o veículo transita.

Aqui na Magnetron você encontra bombas de combustíveis. Conheça mais!